ATÉ QUANDO SEREMOS INSENSÍVEIS À MISERICÓRDIA DE DEUS?

image

' Por isso, o SENHOR espera, para ter misericórdia de vós, e se detém, para se compadecer de vós, porque o SENHOR é Deus de justiça; bem-aventurados todos os que nele esperam. '

( Isaías 30:18 )

Começamos a meditação de hoje chamando a atenção para este Deus que sendo um Deus de Justiça, é tardio em exercer sua justiça. Isto não quer dizer que Ele não pratica a justiça. Sim, Ele pratica. Mas há um desejo nEle de ver Seu povo reconhecendo seus pecados e buscando nEle a Misericórdia.

E o que isto significa? Significa que quando o homem reconhece seus pecados, pede perdão a Deus e muda de vida, Deus pode aplicar a justiça com uma pitada de graça e misericórdia.

Tem gente que não entende isso, e prefere criticar este Deus. Mas a maior prova da misericórdia de Deus para com o homem foi em Ele mesmo pagar o preço do perdão, que foi a morte de Jesus Cristo na Cruz, como o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

Deus foi e continua sendo Gracioso e tardio em se irar. Deus anseia para ser gracioso para conosco e para abençoar o seu povo. Ele prolonga o tempo, a fim de que nos arrependamos e tornemos para Ele.

Meu irmão e minha irmã, precisamos OUVIR o coração de Deus e responder positivamente a Ele, ao virarmos nossas vidas e nossos corações àquele que anseia por nós. Vamos fazer isso HOJE?

Tenha um dia abençoado e até a próxima.

 

 

 

Devanir Caetano da Silva

Pastor da Igreja Restauração em Cristo

Quer receber nossas meditações diariamente pelo WhatsApp? Cadastre-se aqui!