O SENHOR ME GUARDA DO TEMOR DE MEUS INIMIGOS

image

"Ouve, ó Deus, a minha voz na minha oração; guarda a minha vida do temor do inimigo. Esconde-me do secreto conselho dos maus, e do tumulto dos que praticam a iniquidade. O justo se alegrará no SENHOR, e confiará nele, e todos os retos de coração se gloriarão."

( Salmos 64 )

 

Mais uma vez estamos aqui, para meditar em um salmo que trás uma realidade do nosso dia a dia. Ele começa com uma oração. O salmista pede socorro e livramento de Deus em relação ao temor que estava vivendo, por causa de seus inimigos.

Temos alguns inimigos que parecem ser implacáveis. Estes dias estou conversando com algumas pessoas que estão enfrentando a crise da enfermidade grave. Aquele tipo de enfermidade que trás a notícia que nos prepara para outra pior: a morte. Ah! Que inimigo terrível, esta tal de morte. Ela não perdoa ninguém e além de tudo, não respeita ninguém. Se sente no direito de invadir qualquer casa, afrontar qualquer família, impor sua presença e levar quem quiser, sem pedir permissão. É muito arrogante esta 'dona morte'. Ela causa muito temor.

Existem outros inimigos que também deixam seus estragos. Por exemplo, o desemprego. A crise mundial tem gerado muitos filhos em todos os lugares do planeta. Ouvimos todos os dias, de todos os cantos da Terra, empresas pequenas e grandes, vivendo seus "últimos fôlegos", deixando muitas famílias sem recursos de sobrevivência. Quem perde o emprego, tem temor quanto ao futuro. Quem está prestes a perder o emprego, vive também o mesmo temor. Este tem sido outro inimigo de muita gente.

Não me faltariam exemplos, de tantos inimigos que enfrentamos diariamente.

O salmista, no versículo 2, continua em sua oração, pedindo que Deus o esconda dos planos e armadilhas de seus inimigos. Ele reconhece que os inimigos são ferozes e tem capacidade de o machucar e machucar muito, por isso, pede a Deus que o livre do tumulto daqueles que praticam a iniquidade. Quantos inocentes são vítimas dos atos de gente ruim. Quantas pessoas não voltam para casa, no fim do dia, como deveria, porque foram vítimas de assaltos, de crimes violentos, de acidentes de trânsito, de troca de tiros entre bandidos e polícia, e coisas mais. Sim, o salmista pede livramento de tudo isso.

Por fim, o salmo conclui dizendo que "o justo se alegrará no SENHOR, e confiará nele, e todos os retos de coração se gloriarão". Sim, o único que pode nos livrar destes e de outros tantos inimigos é o Senhor Deus. Por isso, o justo, aquele que confia 'verdadeiramente' em Deus, este se alegrará e gloriará nos feitos de Deus.

Sabe, meu irmão e minha irmã, se você está enfrentando um inimigo que parece ser mais forte do que você, faça sua oração a Deus, confie nEle de coração, pois Ele há de te livrar de todos os teus inimigos e teus temores.  Amém?

Tenha um dia abençoado e até a próxima.

 

.

 

 

 

Devanir Caetano da Silva

Pastor da Igreja Restauração em Cristo

Quer receber nossas meditações diariamente pelo Whatsaap? Cadastre-se aqui!